Download Free FREE High-quality Joomla! Designs • Premium Joomla 3 Templates BIGtheme.net
Home / Notícias / Nacional / O “buraco” de Tancos

O “buraco” de Tancos

Granadas de mão ofensivas e munições de calibre 9 milímetros desapareceram de dois paióis, nas instalações militares dos Paióis Nacionais de Tancos, revelou o Exército, tendo afirmado, em comunicado, que foi detectada Quarta-feira, ao final do dia, a violação dos perímetros de segurança dos Paióis Nacionais de Tancos e o arrombamento de dois paióis. Mais tarde, também soubemos que desapareceram lança-granadas e que o sistema de vigilância electrónica estava avariado há mais de dois anos. A conta-gotas vamos sabendo de mais um caso que envolve falta de prevenção.

As culpas não podem ser assacadas só ao actual governo, mas é um facto que o laxismo e os cortes que fizeram, acabaram por ser a machadada final neste particular, como no particular de Pedrogão.

Como sempre, defendemos que a segurança começa pela aposta na prevenção e que, infelizmente, começa a ser um filho pobre, até nas nossas Forças Armadas.

A falta de pessoas, devido ao terminus do SMO (Serviço Militar Obrigatório) e à substituição da vocação à carreira militar por um emprego, a falta de investimento nas Forças Armadas, a perseguição que os jornalistas e muitos políticos do sistema fazem aos nossos militares, estão a transformar uma instituição outrora sólida e orgulhosa, em algo que não nos orgulha, nem orgulha certamente a maioria dos nossos militares. De facto, o panorama actual, com Ministros da Defesa que nunca vestiram uma farda, com o fim do SMO, com desinvestimento, com vigilância electrónica avariada e, mesmo que operacional, sem a vigilância humana, só nos pode fazer temer por mais e pior.

A preparação minuciosa do assalto e o facto da Embaixada dos Estados Unidos ter aumentado os níveis de segurança, levam a crer que possa ter sido um acto de cariz terrorista. Resta saber se para consumo interno ou externo.

Um país que tem as portas escancaradas e em que, entre os refugiados, já foram referenciados terroristas e que constrói mesquitas para refúgio dos invasores, pode agora tornar-se também num grande fornecedor de material de guerra ao terrorismo islâmico.

A culpa, essa, será mais uma vez «de um raio, de uma árvore ou de uma vedação»…

Veja também

Prioridades da Esquerda

Os partidos de Esquerda apenas aceitam que só haja indemnizações às vítimas dos incêndios, quando …